O cara que acreditava naquilo que fazia

Em plena era da informação e das redes, ainda não consigo aceitar que uma notícia dessas demore duas semanas para vir à tona. Deixo registrado aqui o link para uma justa homenagem ao Olavo Rocha.

Aproveito o ensejo para tornar público, que, lá na UESB, de vez em quando, logo depois do expediente, eu reunia o pessoal para uma mini-sessão de cinema, em que, quase sempre, os filmes eram produzidos pela Fonft. As sessões eram acompanhadas de debates acalorados, onde os colegas me chamavam carinhosamente de "burguês defensor da exploração da mais-valia".

Um comentário:

  1. Vinicius Barcelos04/11/2009 14:48

    Enoch,
    Foi uma notícia muito difícil de aceitar. Tentamos avisar amigos em comum. Mas é complicado termos acesso à todas as pessoas que admiravam o trabalho dele. Mas a homenagem é o que vale
    abraço

    ResponderExcluir

Quero saber sua opinião. Mas veja que embaixo do formulário está escrito "comentar como: Selecionar perfil".

Clique para escolher uma das opções para se identificar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...